7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Manchete : GOVERNO ANUNCIA MEDIDAS DE CRÉDITO PARA INJETAR R$ 83 BILHÕES NA ECONOMIA
enviou em 29/01/2016 10:40:00 ( 555 leituras )
Manchete

Algumas ações de estímulo foram anunciadas pela presidenta Dilma Rousseff.

Para impulsionar a produção e recuperar o crescimento, o governo anunciou nesta quinta-feira (28) medidas de estímulo ao crédito que injetarão R$ 83 bilhões na economia. Algumas ações de estímulo foram anunciadas mais cedo pela presidenta Dilma Rousseff, no encerramento da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o Conselhão.



A medida que, segundo o governo, terá mais impacto sobre a economia é a agilização da aplicação dos recursos do Fundo de Infraestrutura do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FI-FGTS) em empreendimentos da área e a simplificação da emissão de debêntures de infraestrutura, que liberará até R$ 22 bilhões. Essa medida, no entanto, necessita de aprovação do Congresso Nacional.

Em segundo lugar, está a autorização para que parte da multa rescisória do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), paga em demissões sem justa causa, possa ser usada como garantia para o crédito consignado – com desconto das parcelas diretamente no salário – por trabalhadores do setor privado. A expectativa do governo é que a medida resulte na injeção de R$ 17 bilhões em crédito.

Em seguida, vem a abertura da linha de crédito para refinanciar as prestações do Programa de Sustentação do Investimento (PSI) e do Programa de Financiamento de Máquinas e Equipamentos (Finame), que deverá resultar em empréstimos de R$ 15 bilhões.

O governo também anunciou o reforço da concessão de crédito por bancos públicos com taxas menores que as de mercado. Os principais setores beneficiados serão as micro e pequenas empresas, a construção civil, os exportadores e o agronegócio.

A retomada da linha de pré-custeio agrícola do Banco do Brasil deverá injetar mais R$ 10 bilhões e a aplicação de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em Certificados de Recebíveis Imobiliários deverá impulsionar o crédito habitacional também em R$ 10 bilhões.

A reabertura da linha do BNDES para financiar capital de giro de empresas com garantia do Fundo Garantidor para Investimentos (FGI) e com redução das taxas de juros deverá resultar na liberação de mais R$ 5 bilhões. Por fim, o aumento do prazo máximo de pagamento e a redução da taxa de juros da linha de pré-embarque de produtos exportados injetará R$ 4 bilhões.

Segundo o ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, as medidas não resultarão em custo para o governo porque os financiamentos terão taxas de mercado e o governo está apenas simplificando procedimentos e reduzindo riscos, o que ajuda o próprio mercado a reduzir as taxas de juros. “Em relação ao crédito, a maior parte das iniciativas são administrativas. Sem gerar custo adicional para os contribuintes brasileiros. Queremos usar melhor os recursos disponíveis”, declarou.

Com 47 empresários e 45 representantes da sociedade civil e das centrais sindicais, o Conselhão é um fórum de discussão sobre medidas a serem adotadas para recuperar o crescimento econômico. Depois de um ano e meio sem reuniões, o colegiado foi reativado recentemente pela presidenta Dilma. Segundo o ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, deverão ser feitas quatro reuniões no ano. A próxima será em abril.


Por: Agência Brasil

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
14/02/2020 08:20:00 - Bloquinho do Biu
14/02/2020 08:20:00 - Professor do Júlio César Leite morre em acidente automobilístico
14/02/2020 08:10:00 - Coronavírus: nova metodologia faz China registrar recorde de óbitos
14/02/2020 08:10:00 - Diagnóstico de dengue em criança é mais difícil
14/02/2020 08:10:00 - Miliciano Adriano planejava formar milícias em Sergipe
14/02/2020 08:10:00 - Alto Comando da Polícia Militar prossegue com o planejamento operacional para o Carnaval 2020
14/02/2020 08:00:00 - Lula encontra o Papa e é abençoado por ele
14/02/2020 08:00:00 - Abertas as inscrições para os Concursos Carnavalescos 2020, em Estância
14/02/2020 07:50:00 - ZEZEINHO GUIMARÃES DIZ QUE ITABAIANINHA RECEBERÁ MAIS DE R$ 3 MILHÕES EM EMENDAS
14/02/2020 07:50:00 - Intenso calor pode afetar safra de laranja em Sergipe



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Você acredita numa possível aliança de Márcio Souza com os grupos políticos de Ivan e Carlos Magno?
Não 16 % 16%
Nenhuma 0%
Sim 83 % 83%
Você acredita que o vereador André Graça será o vice de Gilson em 2020?
Sim 66 % 66%
Não 0%
Nenhuma 33 % 33%