7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Municípios : Projeto Dom Helder É Apresentado Aos Agricultores De Santa Luzia
enviou em 24/01/2018 09:20:00 ( 270 leituras )
Municípios

A Prefeitura de Santa Luzia do Itanhi, por meio das Secretarias de Agricultura e Pesca, Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável e a Emdagro, apresentou aos agricultores e pescadores na manhã desta terça-feira, dia 23, por volta das 10h, na sede da referida secretaria, o Projeto Dom Helder Câmara. Além disso, houve uma discussão sobre a programação das horas de tratores, projeto hora comunitária e a regulamentação de algumas associações do município.

O que é o projeto PDHC?

O Projeto Dom Herder Câmara é uma ação operacional descentralizadora do Ministério de Desenvolvimento Agrário, iniciado em 2001, a partir de um acordo de empréstimo internacional firmado entre a República Federativa do Brasil e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola – FIDA e de uma doação do Fundo Municipal para o Meio Ambiente – GEF.

Durante explanação aos munícipes, o representante da Emdagro, Jackson Ribeiro, disse que o Projeto Dom Helder é um programa de ações referenciais de combate a pobreza e apoio ao desenvolvimento rural e sustentável no semiárido do Nordeste, embasado no conceito de sobrevivência com o semiárido, articulando as condições sócio-políticas, ambientais, culturais, econômicas e tecnológicas e por processos participativos de planejamento, gestão e controle social.

O referido Projeto ao longo de sua atuação se consolidou, fundamentalmente, por desenvolver uma proposta de Assistência Técnica permanente, multidimensional, diferenciada, concebida como uma ação continua e sistêmica, focada nas demandas, objetivos e áreas de resultados de interesse das famílias beneficiárias e referendada em posicionamento técnico e avaliações participativas que garantem a viabilidade das proposições apresentadas.

O Dom Helder atua em 6 Estados do Nordeste Brasileiro, envolvendo 8 territórios e 77 municípios do Semiárido. O PDHC beneficia, diretamente, através das suas ações, 15.021 famílias.

Para fazer parte do projeto, o município e seus povoados devem estar com a documentação em dia e aderir algumas exigências.

Os secretários de Santa Luzia, Zé Edvaldo (Agricultura) e José Antônio (Pesca e Aquicultura), participaram do ato de apresentação.


Fonte e foto assessoria

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
18/01/2019 11:50:00 - SHOWS COM BANDAS ANIMARÃO A FESTA DE SÃO SEBASTIÃO DO POVOADO BOTEQUIM EM SANTA LUZIA DO ITANHI
18/01/2019 11:50:00 - A TRAGÉDIA DO “RISADA DE TIGRE”: UM POETA ESTANCIANO EM TERRA FLUMINENSE
18/01/2019 09:50:00 - Fest Verão Sergipe começa nesta sexta-feira
18/01/2019 09:40:00 - Operação conjunta captura envolvidos em roubo e latrocínio em SE e BA
18/01/2019 09:40:00 - Batida entre ônibus da Coopertalse e caçamba deixa feridos na BR-101
18/01/2019 09:40:00 - EDITORIAL: Sergipe em crise
18/01/2019 09:40:00 - Motorista de carro-bomba invadiu escola de polícia em Bogotá
18/01/2019 09:30:00 - São Cristóvão Inicia Cadastramento De Terreiros, Quilombos E Aldeias Indígenas
18/01/2019 09:30:00 - Brasil “Tudo Fará” Para Ajudar A Venezuela, Diz Itamaraty
18/01/2019 09:30:00 - Governo pretende fechar seis escolas em Sergipe



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Na sua opinião, quem será o próximo prefeito de Estância em 2020?
Adriana Leite (PRB) 11 % 11%
Dominguinhos (PT) 2 % 2%
Márcio Souza (PSOL) 86 % 86%
Você acredita que a prefeitura de Estância vai restaurar a Casa da Cultura?
Sim 4 % 4%
Não 95 % 95%
Nenhuma das Alternativas 0%

USUÁRIOS ONLINE

29 visitantes online (26 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 29

mais...