7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Municípios : Projeto Dom Helder É Apresentado Aos Agricultores De Santa Luzia
enviou em 24/01/2018 09:20:00 ( 159 leituras )
Municípios

A Prefeitura de Santa Luzia do Itanhi, por meio das Secretarias de Agricultura e Pesca, Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável e a Emdagro, apresentou aos agricultores e pescadores na manhã desta terça-feira, dia 23, por volta das 10h, na sede da referida secretaria, o Projeto Dom Helder Câmara. Além disso, houve uma discussão sobre a programação das horas de tratores, projeto hora comunitária e a regulamentação de algumas associações do município.

O que é o projeto PDHC?

O Projeto Dom Herder Câmara é uma ação operacional descentralizadora do Ministério de Desenvolvimento Agrário, iniciado em 2001, a partir de um acordo de empréstimo internacional firmado entre a República Federativa do Brasil e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola – FIDA e de uma doação do Fundo Municipal para o Meio Ambiente – GEF.

Durante explanação aos munícipes, o representante da Emdagro, Jackson Ribeiro, disse que o Projeto Dom Helder é um programa de ações referenciais de combate a pobreza e apoio ao desenvolvimento rural e sustentável no semiárido do Nordeste, embasado no conceito de sobrevivência com o semiárido, articulando as condições sócio-políticas, ambientais, culturais, econômicas e tecnológicas e por processos participativos de planejamento, gestão e controle social.

O referido Projeto ao longo de sua atuação se consolidou, fundamentalmente, por desenvolver uma proposta de Assistência Técnica permanente, multidimensional, diferenciada, concebida como uma ação continua e sistêmica, focada nas demandas, objetivos e áreas de resultados de interesse das famílias beneficiárias e referendada em posicionamento técnico e avaliações participativas que garantem a viabilidade das proposições apresentadas.

O Dom Helder atua em 6 Estados do Nordeste Brasileiro, envolvendo 8 territórios e 77 municípios do Semiárido. O PDHC beneficia, diretamente, através das suas ações, 15.021 famílias.

Para fazer parte do projeto, o município e seus povoados devem estar com a documentação em dia e aderir algumas exigências.

Os secretários de Santa Luzia, Zé Edvaldo (Agricultura) e José Antônio (Pesca e Aquicultura), participaram do ato de apresentação.


Fonte e foto assessoria

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
14/08/2018 14:10:00 - LULA 'SIMPLESMENTE NÃO É, E NÃO PODE SER, CANDIDATO', DIZ MPF
14/08/2018 10:30:00 - Sarau PoeMúsica acontece dia 16 em Aracaju
14/08/2018 10:30:00 - Músicos farão show para ajudar no tratamento de Melinda Malanconi
14/08/2018 10:20:00 - ANP Prepara Mudanças Na Divulgação De Preços De Combustíveis
14/08/2018 10:20:00 - Desabamento de viaduto no norte da Itália deixa ao menos 22 mortos
14/08/2018 10:20:00 - Ronaldo deixa hospital em Ibiza após ficar quatro dias internado
14/08/2018 10:20:00 - Japão tem lições para dar sobre o mercado da longevidade
14/08/2018 10:10:00 - Bandidos Invadem Escola Em Itabaiana, Fazem Arrastão E Saem Tranquilamente
14/08/2018 10:10:00 - Trabalhadores De Todas As Idades Já Podem Sacar Cotas Do Pis/Pasep
14/08/2018 10:10:00 - Jackson diz que André e Eduardo Amorim prejudicaram Sergipe



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

O QUE VOCÊ ACHA DO PREFEITO DE ESTÂNCIA ALUGAR IMÓVEL A PARTICULARES E DEIXAR OS PRÉDIOS PÚBLICOS ABANDONADOS
BOM 0%
PÉSSIMO 57 % 57%
RUIM 42 % 42%

USUÁRIOS ONLINE

32 visitantes online (30 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 32

mais...