7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Saúde : Alzheimer: quais os sinais e como evitar o avanço da doença?
enviou em 06/02/2018 13:20:00 ( 253 leituras )
Saúde

A primeira dica é clássica: ter hábitos saudáveis. De acordo com um estudo, uma alimentação rica em folhas verdes, por exemplo, pode retardar em quase dez anos a perda de memória.

Milhares de famílias no Brasil convivem com o Alzheimer, mas quais os primeiros sinais? Qualquer esquecimento já é um sintoma? O neurologista Andre Palmini e o cardiologista e geriatra Roberto Miranda falaram sobre o assunto no Bem Estar desta terça-feira (6) e também explicaram porque alguns idosos conseguem ter uma super memória.


lSegundo o neurologista, é possível reduzir os riscos e danos que a doença provoca conforme vai avançando. A primeira dica é clássica: ter hábitos saudáveis. De acordo com um estudo, uma alimentação rica em folhas verdes, por exemplo, pode retardar em quase dez anos a perda de memória. Já a atividade física aumenta a formação de um tipo de proteína que ajuda a fazer as conexões entre um neurônio e outro, aumentando a capacidade das conexões e, consequentemente, da memória.

Uma pessoa que leu muito ao longo da vida, teve muitos amigos, teve uma vida ativa também na idade avançada, comeu bastante folhas verdes, não tem diabetes, depressão, tem grandes chances de ter uma memória boa e risco mais baixo de ter Alzheimer. Mesmo que a doença apareça, ela demora mais para evoluir.

Perda de memória

A perda de memória nos idosos faz parte do envelhecimento fisiológico. Nem todo problema de memória tem relação com Alzheimer. Segundo o cardiologista e geriatra, o idoso está mais desligado, tem menos obrigações, se cobra menos e isso exige pouco do cérebro.

Os especialistas explicam que é preciso diferenciar os tipos de alteração de memória e buscar ajuda médica assim que perceber algo errado.

Tipo 1: não resgatar – à medida que a idade avança, o cérebro torna-se mais lento para a busca. Este tipo de queixa é muito comum em idosos. Essa queixa não sinaliza o início de Alzheimer.

Tipo 2: não retomar – dificuldade para manter uma memória ‘pausada’ por curtos espaços de tempo, enquanto muda-se o foco da atenção. Também não é um tipo de perda de memória que esteja ligada ao início de Alzheimer.

Tipo 3: não registrar – dificuldade para formar novas memórias. Esse tipo de perda deve ser investigado.


Por G1, São Paulo

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
18/01/2019 11:50:00 - SHOWS COM BANDAS ANIMARÃO A FESTA DE SÃO SEBASTIÃO DO POVOADO BOTEQUIM EM SANTA LUZIA DO ITANHI
18/01/2019 11:50:00 - A TRAGÉDIA DO “RISADA DE TIGRE”: UM POETA ESTANCIANO EM TERRA FLUMINENSE
18/01/2019 09:50:00 - Fest Verão Sergipe começa nesta sexta-feira
18/01/2019 09:40:00 - Operação conjunta captura envolvidos em roubo e latrocínio em SE e BA
18/01/2019 09:40:00 - Batida entre ônibus da Coopertalse e caçamba deixa feridos na BR-101
18/01/2019 09:40:00 - EDITORIAL: Sergipe em crise
18/01/2019 09:40:00 - Motorista de carro-bomba invadiu escola de polícia em Bogotá
18/01/2019 09:30:00 - São Cristóvão Inicia Cadastramento De Terreiros, Quilombos E Aldeias Indígenas
18/01/2019 09:30:00 - Brasil “Tudo Fará” Para Ajudar A Venezuela, Diz Itamaraty
18/01/2019 09:30:00 - Governo pretende fechar seis escolas em Sergipe



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Na sua opinião, quem será o próximo prefeito de Estância em 2020?
Adriana Leite (PRB) 11 % 11%
Dominguinhos (PT) 2 % 2%
Márcio Souza (PSOL) 86 % 86%
Você acredita que a prefeitura de Estância vai restaurar a Casa da Cultura?
Sim 4 % 4%
Não 95 % 95%
Nenhuma das Alternativas 0%

USUÁRIOS ONLINE

30 visitantes online (28 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 30

mais...