7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Sociedade : Marcola ordenou mortes por bilhete engolido por detento, diz Justiça
enviou em 22/02/2018 14:10:00 ( 207 leituras )
Sociedade

Alvos seriam os os diretores unidades prisionais de Potim; relato consta em sentença que condenou Marcola a 30 anos de prisão

Um dos principais chefes do PCC (Primeiro Comando da Capital), Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, havia determinado a morte de dois diretores de presídios paulistas por meio de um bilhete engolido por um detento que estava em um processo de transferência.


O relato do episódio faz parte da sentença do juiz da 1ª Vara de Presidente Venceslau, Gabriel Medeiros, que condenou nesta quarta-feira (21) Marcola a 30 anos de prisão, após investigações que revelaram a criação de um núcleo jurídico da facção, de integrar e liderar organização criminosa armada e corrupção ativa.

Os alvos de Marcola seriam os os diretores de segurança e disciplina das unidades I e II do presídio de Potim (a 159 km da capital paulista). “Existiam diretores e outros funcionários que, com seus trabalhos no interior da unidade, estavam atrapalhando e gerando prejuízos à referida facção”, escreveu o juiz.

“Havia a informação de que [um preso], que retornava para a penitenciária II, de Potim, trazia um bilhete com uma autorização dos líderes da facção criminosa […] para executar os diretores de segurança e disciplina das unidades de Potim I e II. Dizia-se que ele havia enrolado a mensagem em uma embalagem plástica e engolido”, relata o juiz em sua sentença.

Outras 30 pessoas, entre advogados e detentos, também foram indiciadas e julgadas, relacionadas a este mesmo processo, que acabou desmembrado e resultando na decisão judicial desta quarta (21). Anteriormente, outras 17 pessoas já haviam sido condenadas.

Advogados da facção também foram condenados
O processo que condenou Marcola se originou da Operação Ethos, que mostrou que o PCC havia montado um núcleo jurídico para atuar em seu favor. Ao menos seis advogados também foram presos e condenados, por associação criminosa armada, entre suas funções estavam a de levar e trazer recados e providenciar a realização de interesses de Marcola e outros líderes do PCC.

A facção, segundo os investigadores, também teria cooptado advogados para influenciar a área de proteção aos direitos humanos, que resultou inclusive na condenação, incluindo de Marcola, por corrupção ativa, já que a facção havia cooptado um então integrante do Condepe (Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana), Luiz Carlos dos Santos, para atuar em seu favor.

A investigação havia apontado, inclusive, que Santos, que pegou mais de 16 anos de prisão, recebia uma mesada de R$ 5.000 do PCC. Isso ocorria com o objetivo de plantar denúncias de violação de direitos humanos, desestabilizando a segurança e o sistema penitenciário paulista.


Fonte R7

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
23/03/2019 15:10:00 - PAULO PECÊ DENUNCIA POLUIÇÃO NO RIO PAIAUITINGA DE ESTÂNCIA
23/03/2019 15:00:00 - PM prende suspeito de furtar residência na cidade de Estância
23/03/2019 14:50:00 - Ciclone em Moçambique revela verdadeira extensão dos danos
23/03/2019 14:50:00 - Mastruz com Leite, Limão com Mel, Cavalo de Pau e Forró Brucelose são atrações confirmadas no Festival das Antigas 2019 em Tobias Barreto
23/03/2019 14:50:00 - Após fortes chuvas, barragem de Tobias Barreto fica próxima de transbordar
23/03/2019 14:50:00 - Aracaju recebe encontro nacional do PSD
23/03/2019 14:40:00 - DEFESA CIVIL ALERTA: RAIOS E RELÂMPAGOS EXIGEM CUIDADOS
23/03/2019 14:40:00 - Forrozão Da Sergipe: Liberada A Venda De Ingressos Do 2º Lote
23/03/2019 14:40:00 - Na Primeira Noite Preso, Temer Ficará Em Sala Da PF No Rio
23/03/2019 14:40:00 - Quando a mania de morder objetos pode virar problema?



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Dos últimos prefeitos e o atual, em dois anos de mandato, quem fez mais por Estância?
Carlos Magno 75 % 75%
Gilson Andrade 8 % 8%
Ivan Leite 16 % 16%
Na sua opinião, quantos candidatos a prefeito Estância deve lançar em 2020?
Três 25 % 25%
Quatro 0%
Cinco 75 % 75%

USUÁRIOS ONLINE

41 visitantes online (37 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 41

mais...