7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Sociedade : SERGIPE TEM 3ª MENOR TAXA DE POBREZA MONETÁRIA DO NE
enviou em 05/03/2018 13:10:00 ( 191 leituras )
Sociedade

O Estado de Sergipe tem a 3ª menor taxa de pobreza do Nordeste, superada apenas por Pernambuco (40,1%) e Rio Grande do Norte (36,2%). As maiores taxas de pobreza entre os estados nordestinos foram verificadas no Maranhão (52,4%) e Alagoas (47,4%). A constatação é do Observatório de Sergipe, vinculado a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), com base em indicadores obtidos a partir da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – PNAD Contínua de 2012 a 2016.

Segundo o superintendente de Estudos e Pesquisas da Seplag, Ciro Brasil, 43,5% da população vivia em situação de pobreza em 2016, de acordo com o critério adotado pelo Banco Mundial, que considera pobre quem ganha menos do que US$ 5,5 por dia nos países em desenvolvimento. “Esse valor equivale a uma renda domiciliar per capita de R$ 389 por mês, ao considerar a conversão pela paridade de poder de compra”, explica.

Revela que Aracaju (17,7%) é a capital do Nordeste com a menor taxa de pobreza monetária. “No ranking nacional Aracaju ficou na 15ª posição. As maiores taxas entre as capitais nordestinas ficaram com São Luís (31,6%) e Fortaleza (27,5%). No cenário nacional, a pobreza foi mais acentuada em Manaus (34,4%) e Macapá (32,4%). Por outro lado, segundo a metodologia adotada pelo Banco Mundial, as capitais da Região Sul tiveram os menores índices de pobreza. É o caso de Porto Alegre (9,5%), Curitiba (7,6%) e Florianópolis (5,8%)”, afirma.

“Em todos os casos a pobreza tem maior incidência nos domicílios do interior do que nas capitais, o que está de acordo com a realidade observada em outros países, em que a pobreza está mais concentrada em áreas rurais”, declara o superintendente de Estudos e Pesquisas da Seplag.

“O conceito de pobreza pode ter ainda uma definição que supera os aspectos monetários. O estudo apresentou uma análise de pobreza multidimensional, que mede o acesso da população a bens e a serviços que estão relacionados aos direitos sociais. Foram consideradas cinco dimensões para aferir a pobreza multidimensional: educação, proteção social, moradia adequada, saneamento básico e acesso à internet”, enfatiza.

Ressalta ainda que pelos critérios de pobreza multidimensional definidos pelo IBGE tem-se que 75,4% dos sergipanos (1,7 milhão) sofriam com pelo menos uma restrição de acesso, menor índice do Nordeste, enquanto o Maranhão e o Piauí o percentual extrapola 90% dos habitantes desses estados.

“Em relação às restrições de direitos, a que apresentou maior privação em Sergipe foi a falta de acesso aos serviços de saneamento, com 47,2% (1,07 milhão de pessoas), seguido da ausência de internet em casa, com 36,8% (901 mil pessoas). A deficiência nas condições de moradia foi a dimensão com a menor incidência, com 10,1% (228 mil pessoas)”, frisa.

Finaliza dizendo que o Observatório Sergipe constatou ainda que Aracaju é a capital nordestina com menor proporção de pessoas na pobreza multidimensional, com 45,7% (293 mil pessoas), seguida de Salvador com 47,5%, e que Teresina (93,6%) e Natal (78%) apresentaram os maiores índices da Região Nordeste.


asn

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
16/12/2018 18:10:00 - Audiências Referentes Construção Casas Na Praia Do Saco Foram Bem Sucedidas
16/12/2018 18:00:00 - PREFEITURA DE ESTÂNCIA DESCUMPRE LEI E USA SLOGANS DA GESTÃO EM BENS PÚBLICOS, DENUNCIA O SINDSEME
16/12/2018 17:50:00 - Eraldo De Andrade E Chicão Almeida Viajam A Brasília Em Busca De Recursos Para Boquim
16/12/2018 17:30:00 - DESEMBARGADOR NEGA HABEAS CORPUS PARA VALDEVAN NOVENTA
16/12/2018 17:20:00 - CANDIDATOS ELEITOS SERÃO DIPLOMADOS NESTA SEGUNDA-FEIRA NO TEATRO ATHENEU
14/12/2018 09:10:00 - TRE julga contas de Rogério, Diná e Valdevan Noventa
14/12/2018 09:00:00 - Michel Temer Acredita Que Bolsonaro Dará Continuidade A Suas Políticas
14/12/2018 09:00:00 - Cidade de Itabi, no sertão sergipano, é palco de Encontro Cultural
14/12/2018 09:00:00 - Réveillon de Aracaju 2019
14/12/2018 09:00:00 - Chérif Chekatt, autor do atentado de Estrasburgo, é abatido pela polícia



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Na sua opinião, quem será o próximo prefeito de Estância em 2020?
Adriana Leite (PRB) 11 % 11%
Dominguinhos (PT) 2 % 2%
Márcio Souza (PSOL) 86 % 86%
Você acredita que a prefeitura de Estância vai restaurar a Casa da Cultura?
Sim 4 % 4%
Não 95 % 95%
Nenhuma das Alternativas 0%

USUÁRIOS ONLINE

40 visitantes online (37 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 40

mais...