7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Nacionais : PREVIDÊNCIA: PARECER DE COMEÇAR A SER DISCUTIDO NA CÂMARA
enviou em 18/06/2019 14:40:00 ( 51 leituras )
Nacionais

Oposição concordou em não obstruir a fase de debates

A Comissão Especial da reforma da Previdência da Câmara dos Deputados deve começar a debater o parecer do deputado Samuel Moreira (PSDB-RJ) nesta terça-feira (18), a partir das 9h. Segundo o presidente do colegiado, deputado Marcelo Ramos (PL-AM), a oposição já concordou em não obstruir a fase de debates.


Pelo acordo alinhado com líderes de partidos da oposição, para que não haja obstrução na fase de discussão, todos os deputados, membros ou não do colegiado, poderão se inscrever para falar nessa fase e terão a fala garantida, desde que estejam presentes no momento em que forem chamados a se manifestar.

O acordo garante ainda que não haverá data preestabelecida para o fim da discussão da matéria na comissão especial.

Cada parlamentar membro da comissão tem até 15 minutos para discursar sobre o tema. Os deputados que não integram a comissão dispõem de 10 minutos. Até a noite dessa segunda-feira (17), 143 congressistas já estavam inscritos para debater a proposta. Os deputados têm até o início da primeira fala na comissão para se inscrever.

Tramitação
Apesar do número de deputados para debater a proposta, a expectativa do presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), é que o parecer seja votado pela comissão até o próximo dia 26. Maia pretende incluir o texto da pauta de votação do plenário antes do recesso parlamentar, que começa em 18 de julho.

Por se tratar de uma proposta de emenda à Constituição (PEC), o texto precisa ser aprovado por três quintos dos deputados, o correspondente a 308 votos favoráveis, em dois turnos de votação.

Ao ser aprovado pelos deputados, o texto segue para apreciação do Senado, onde também deve ser apreciado em dois turnos e depende da aprovação de pelo menos 49 senadores.

Estados e municípios
Após a leitura do parecer, o relator da reforma da Previdência na comissão especial, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), afirmou que a perspectiva agora é buscar o entendimento dos parlamentares a respeito da reinclusão de estados e municípios no texto da PEC 6/2019.

O dispositivo foi retirado do texto, apesar do apelo de governadores para que as regras de aposentadoria de servidores estaduais e municipais fossem mantidas.

“A grande questão nossa agora é continuar um trabalho para verificar como estados e municípios vão ser introduzidos nessa reforma”, afirmou Moreira.

Ele espera reunir o apoio necessário para que o dispositivo volte ao texto da PEC, o que pode acontecer por meio de um voto complementar ao relatório, no dia da votação do parecer ainda na comissão.

Confira os principais trechos da proposta:http://agenciabrasil.ebc.com.br/econo ... da-reforma-da-previdencia


da Agência Brasil

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
14/10/2019 11:40:00 - FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA NA RUA DA PALHA
14/10/2019 11:40:00 - FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA DO BOM VIVER
14/10/2019 11:20:00 - Bombeiro salva colega e morre afogado em Amparo
14/10/2019 11:00:00 - TRATAMENTO PARA DOENÇAS RARAS PRECISA INVESTIMENTO EM PESQUISA
14/10/2019 11:00:00 - Laércio É Homenageado Na Comemoração Dos 30 Anos Do Seac
14/10/2019 10:50:00 - 6º BPM prende homem por porte ilegal de arma fogo e tentativa de homicídio em Estância
14/10/2019 10:50:00 - Briga Entre Cunhadas Durante Uma Seresta Termina Na Morte De Uma Delas No Interior
14/10/2019 10:50:00 - Sergipe Receberá, Ainda Em Outubro, Maior Exposição De Armas De Fogo Já Vista
14/10/2019 10:40:00 - Presos sergipanos não farão Enem
14/10/2019 10:30:00 - Fôlego para o Catolicismo e exemplo para o mundo



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Você acredita numa possível aliança de Márcio Souza com os grupos políticos de Ivan e Carlos Magno?
Não 16 % 16%
Nenhuma 0%
Sim 83 % 83%
Você acredita que o vereador André Graça será o vice de Gilson em 2020?
Sim 66 % 66%
Não 0%
Nenhuma 33 % 33%

USUÁRIOS ONLINE

24 visitantes online (23 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 24

mais...