7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Cultura : 5ª Sinfonia de Beethoven e outras grandes obras são destaque da Orsse
enviou em 11/07/2019 10:50:00 ( 39 leituras )
Cultura

Na próxima quinta-feira, dia 11, a Orquestra Sinfônica de Sergipe (Orsse), retorna aos palcos do Teatro Atheneu para a apresentação de importantes obras do repertório orquestral ocidental. Em destaque, a famosa 5ª Sinfonia, de Ludwig van Beethoven, além da abertura da ópera “Don Giovanni”, de Wolfgang Amadeus Mozart, e do “Idílio de Siegfried”, de Richard Wagner. Os ingressos, a preços populares, estão disponíveis nas bilheterias do Teatro Atheneu. A Orsse é uma realização da Fundação de Cultura e Arte Aperipê, do Governo de Sergipe.

Sobre o concerto, o maestro regente Guilherme Mannis ressalta a importância da performance de peças tradicionais do repertório pela Orsse. “Trata-se de um repertório importante para nosso grupo e para o trabalho dos mais variados naipes. Don Giovanni e a 5ª Sinfonia de Beethoven são peças absolutamente amadas pelo público, realizá-las novamente, com muita energia e qualidade, é algo muito esperado por todos e que gera resultados positivos em todo o nosso trabalho”, declara.

A Sinfonia n.º 5 em Dó menor Op. 67, dita Sinfonia do Destino, de Ludwig van Beethoven, escrita entre 1804 e 1808, é uma das composições mais populares e difundidas em todo repertório da Música Ocidental, além de ser a sinfonia mais executada nos tempos atuais. Seus quatro movimentos caracterizam-se pela homogeneidade orquestral, sendo, ao mesmo tempo, um exemplo de alternância: o primeiro movimento revela grande tensão, denunciada pelas cordas e elevada a um dramatismo extremo; o segundo movimento apresenta solenidade, numa marcha fúnebre que se eleva pela sua emoção e beleza; o terceiro andamento, uma verdadeira explosão de energia; o quarto movimento expressa triunfo e magnificência.

Completam o programa a abertura da ópera “Don Giovanni”, de Mozart, a transposição para a ópera do famoso personagem arquetípico espanhol de Don Juan, e o “Idílio de Siegfried”, de Richard Wagner, descrita pelo próprio compositor como uma “Saudação Sinfônica de Aniversário”. Assim ele escreveu na dedicatória à sua esposa Cosima, que recebeu tão admirável presente no dia 25 de dezembro de 1870. Em seu diário, ela relembra que neste dia acordou com uma música que subia pelas escadas. Wagner, que colocara uma orquestra tocando nas escadas, veio até ela com seus cinco filhos e ofereceu-lhe a partitura de O Idílio.


Fonte: Funcap/SE

(Foto: Pritty Reis)

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
14/10/2019 11:40:00 - FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA NA RUA DA PALHA
14/10/2019 11:40:00 - FESTA DE NOSSA SENHORA APARECIDA DO BOM VIVER
14/10/2019 11:20:00 - Bombeiro salva colega e morre afogado em Amparo
14/10/2019 11:00:00 - TRATAMENTO PARA DOENÇAS RARAS PRECISA INVESTIMENTO EM PESQUISA
14/10/2019 11:00:00 - Laércio É Homenageado Na Comemoração Dos 30 Anos Do Seac
14/10/2019 10:50:00 - 6º BPM prende homem por porte ilegal de arma fogo e tentativa de homicídio em Estância
14/10/2019 10:50:00 - Briga Entre Cunhadas Durante Uma Seresta Termina Na Morte De Uma Delas No Interior
14/10/2019 10:50:00 - Sergipe Receberá, Ainda Em Outubro, Maior Exposição De Armas De Fogo Já Vista
14/10/2019 10:40:00 - Presos sergipanos não farão Enem
14/10/2019 10:30:00 - Fôlego para o Catolicismo e exemplo para o mundo



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Você acredita numa possível aliança de Márcio Souza com os grupos políticos de Ivan e Carlos Magno?
Não 16 % 16%
Nenhuma 0%
Sim 83 % 83%
Você acredita que o vereador André Graça será o vice de Gilson em 2020?
Sim 66 % 66%
Não 0%
Nenhuma 33 % 33%

USUÁRIOS ONLINE

25 visitantes online (23 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 25

mais...