7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Manchete : Políticos se relacionam com milicianos em Sergipe
enviou em 27/01/2020 16:40:00 ( 55 leituras )
Manchete

As milícias – grupos paramilitares – são fortes, em presença e eleitoralmente, principalmente no Rio de Janeiro.Levantamento publicado pelo jornal O Estado de São Paulo na edição deste domingo, 26, destaca preocupação do Ministério da justiça e Segurança Pública, comandado pelo ex-juiz federal Sérgio Moro, com a situação no Distrito Federal e em 23 Estados, incluindo Sergipe.

O foco é o financiamento ilegal de candidatos e partidos, candidaturas de CRIMINOSOS e pessoas ligadas a eles.

A situação é mais preocupante em locais com alto índice de violência, serviços públicos precários e corrupção policial. Em seis unidades da federação, Maranhão, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Sergipe, já foram encontradas relações de milicianos com políticos.

Recentemente, no bairro Santa Maria, em Aracaju, a polícia desbaratou organização criminosa que “vendia”, na tora, segurança a comerciantes.

A PF identificou em Sergipe

No interior do Estado há registros de grupo de milícia liderado por um policial que agiria vendendo segurança e atuando como grupo de extermínio na região do Vale do Cotinguiba. A ligação com um político foi alvo de investigação.

O sociólogo e professor da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, José Cláudio Souza Alves, ensina:

Nas urnas, eles deixam de ser assassinos. Nas urnas viram personalidades políticas e viram heróis. É a grande alquimia: (a urna) transforma assassinos, canalhas, monstros cruéis em heróis, em personalidades políticas, em benfeitores da comunidade.”

Chefe da Procuradoria Regional Eleitoral no Rio (PRE-RJ), a procuradora regional da República Silvana Batini atua na área criminal, mas entre 2019 e 2021 responde pela área eleitoral no Estado berço das milícias – cargo que ocupou também de 2008 a 2010.

Sincera, nos deixa mais preocupados:

“A Justiça Eleitoral tem como enfrentar a questão as milícias? Não”

procuradora regional da República Silvana Batini
O ex-ministro da Defesa e da Segurança Pública, Raul Jungmann, não deixa dúvida:

“Aonde você tem milícia, onde você tem crime organizado, efetivamente não pode se dizer que se tem democracia, direitos e garantias e representatividade. São absolutamente antípodas, não tem a menor possibilidade. Quanto maior a presença da milícia e quanto mais ela se associa, se apropria e captura órgãos do Estado, menos democracia, menos liberdade, menos segurança e efetivamente mais violência e mais mortes”.

Coração das trevas

Jungmann é taxativo:

“A milícia controla o território, controla o voto, elege o seu representante, e seu representante vai participar da distribuição de cargos. Inclusive escolhendo cargos dentro do aparato de segurança do próprio Estado. Isso é o que eu chamo de coração das trevas”.

Marcelo Freire, procurador-geral da República, fala da luta, que não deve parar, mas conclui:

Crime é uma atividade econômica, corresponde de 6% a 8% do PIB mundial. Então não vai acabar nunca, é bobagem você achar que vai acabar com o crime organizado. É seu dever combatê-lo e minimizar as suas ações. Esse é o dever. Agora, acabar, não vai acabar, é uma ilusão achar que vamos acabar com essas organizações, elas vão se transformar em outras. Elas podem ser enfraquecidas.


VEJA VIDEO:https://www.youtube.com/watch?v=wTAIEEr7SFE&feature=emb_title


NE Notícias

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
14/02/2020 08:20:00 - Bloquinho do Biu
14/02/2020 08:20:00 - Professor do Júlio César Leite morre em acidente automobilístico
14/02/2020 08:10:00 - Coronavírus: nova metodologia faz China registrar recorde de óbitos
14/02/2020 08:10:00 - Diagnóstico de dengue em criança é mais difícil
14/02/2020 08:10:00 - Miliciano Adriano planejava formar milícias em Sergipe
14/02/2020 08:10:00 - Alto Comando da Polícia Militar prossegue com o planejamento operacional para o Carnaval 2020
14/02/2020 08:00:00 - Lula encontra o Papa e é abençoado por ele
14/02/2020 08:00:00 - Abertas as inscrições para os Concursos Carnavalescos 2020, em Estância
14/02/2020 07:50:00 - ZEZEINHO GUIMARÃES DIZ QUE ITABAIANINHA RECEBERÁ MAIS DE R$ 3 MILHÕES EM EMENDAS
14/02/2020 07:50:00 - Intenso calor pode afetar safra de laranja em Sergipe



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Você acredita numa possível aliança de Márcio Souza com os grupos políticos de Ivan e Carlos Magno?
Não 16 % 16%
Nenhuma 0%
Sim 83 % 83%
Você acredita que o vereador André Graça será o vice de Gilson em 2020?
Sim 66 % 66%
Não 0%
Nenhuma 33 % 33%