7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Manchete : FERIADO DE N. S. DA CONCEIÇÃO CELEBRA UNIÃO ENTRE RELIGIÕES EM SE
enviou em 07/12/2012 16:50:00 ( 549 leituras )
Manchete

Sincretismo une Candomblé e Igreja Católica em uma mesma festa.
Nossa Senhora da Conceição é padroeira de Aracaju.

A fé e o sincretismo vão unir duas religiões durante a lavagem das escadarias da Catedral Metropolitana de Aracaju (SE) no feriado deste sábado (08) dia da padroeira da capital sergipana, Nossa Senhora da Conceição. A Igreja Católica e religiões africanas se unem em uma mesma comemoração em homenagem à santa.


Adorada pelos católicos e reverenciada pelos adeptos do Candomblé e Umbanda, religiões afro-brasileiras, no sincretismo religioso Nossa Senhora da Conceição é Oxum, orixá das águas doces. Em Aracaju, a mistura de crenças marca a devoção que é colocada em prática durante a lavagem com água de cheiro das escadarias da Igreja Metropolitana.

No Catolicismo, Nossa Senhora da Conceição é uma das manifestações católicas da Virgem Maria, mãe de Jesus, já no Candomblé ela é representada como uma negra e usa roupas africanas.

Fé que une religiões
Devota da padroeira de Aracaju desde pequena, quando dona Josefa Bezerra teve seu primeiro filho não teve dúvida, o ofereceu para que a santa fosse sua madrinha. O padre Carlos Augusto Teles explica esse antigo ritual da Igreja Católica.

“Adotando Nossa Senhora da Conceição como madrinha, a criança vai ter a proteção do Céu. Mas ele também precisa ter uma testemunha aqui na terra, de forma presente e real, que no caso vai ser a mãe. A criança é consagrada a santa, mas fica aos cuidados da mãe terrestre”, explica o líder espiritual.

A yalorixá Maria Angélica de Oliveira, que é uma sacerdotisa e chefe de um terreiro de Candomblé, diz que há uma aproximação entre as duas religiões por meio da santa. “Oxum veio para o Brasil na época do trafico negreiro e Nossa Senhora da Conceição na época jesuítica. A mesma figura representativa só que de formas diferentes. Amanhã vamos cultuá-la juntos”, pontua.

“A fé é o elemento motivador e de união das duas religiões. São praticas diferentes que se unem pelo fato das pessoas acreditarem na divindade daquele orixá ou daquela santa”, finaliza o sociólogo Josadac Bezerra.



G1/Se

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
23/10/2017 10:50:00 - Acidentes de trânsito vitimam sete pessoas em três dias
23/10/2017 10:40:00 - ORSSE interpretará Rachmaninoff e Beethoven dia 26
23/10/2017 10:40:00 - Durval Lelys comanda Réveillon Com Amor
23/10/2017 10:30:00 - Daniel Alves desabafa: "não sou a babá do Neymar"
23/10/2017 10:30:00 - Homens arrombam parede de agência bancária no interior
23/10/2017 10:30:00 - Bactérias presentes no celular podem causar infecção
23/10/2017 10:30:00 - ANA LÚCIA DEFENDE QUE PT TENHA CANDIDATURA PRÓPRIA PARA 2018; PROFESSOR DUDU PRÉ-CANDIDATO AO GOVERNO
23/10/2017 10:20:00 - TEMER E MINISTROS TÊM LISTA DE 25 ‘PENDÊNCIAS’ DE DEPUTADOS
23/10/2017 10:20:00 - Troca de tiros entre PMs e criminosos deixa três feridos na favela da Rocinha
23/10/2017 10:20:00 - Triplo ataque suicida do Boko Haram deixa 13 mortos na Nigéria



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

De 1 à 5, que nota você daria à capinação das ruas de Estância.
Nenhuma 7 % 7%
Nota 1 28 % 28%
Nota 5 64 % 64%

USUÁRIOS ONLINE

13 visitantes online (12 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 13

mais...