7º ENCONTRO DE FILARMÔNICAS EM ESTÂNCIA

Cultura : ORSSE HOMENAGEARÁ OS 200 ANOS DE GIUSEPE VERDI DIA 24
enviou em 22/10/2013 11:40:00 ( 574 leituras )
Cultura

ORSSE promete surpreender o público mais uma vez

O próximo concerto da Orquestra Sinfônica de Sergipe (ORSSE), que acontecerá no dia 24 de outubro, quinta-feira, a partir das 20h30, fará uma grande homenagem ao compositor italiano Giuseppe Verdi (1813-1901), um dos maiores operistas de todos os tempos. A apresentação, que acontecerá no Teatro Tobias Barreto, terá a regência do diretor artístico e maestro titular da ORSSE, Guilherme Mannis, e contará ainda com a presença do Coro Sinfônico do grupo e do Coro do Ministério Público de Sergipe, ambos sob a regência do maestro Daniel Freire.


Para marcar essa apresentação, serão executados trechos marcantes de algumas das mais emblemáticas óperas de Verdi, tais como o “Gloria ao Egito” e ária “Qui Radamès verrà”, de Aïda, ária “Salce, Salce”, de Otello, coro dos ferreiros da ópera Il Trovatore, coro dos escravos e abertura da ópera Nabuco, além das famosas aberturas de óperas como “Um baile de máscaras” e “A força do destino”. A solista da noite será a soprano Daniella Carvalho, que fez muito sucesso com a ORSSE em anos anteriores, com grandes atuações em Tosca (2012) e La Bohème (2011).

Os ingressos para esta apresentação já estão disponíveis na bilheteria do teatro e são vendidos a preços populares. A Temporada 2013 da ORSSE é uma realização do Ministério da Cultura, do Instituto Banese e do Governo de Sergipe, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), com patrocínio do Banese e da Lei de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet).
Sobre Verdi
Pode-se considerar Giuseppe Verdi um dos maiores compositores de todos os tempos por suas inovações no campo operístico e sua vasta produção. Sempre ao lado de grandes libretistas, Verdi deu vida a um grande número de histórias, das mais variadas, angariando influências de Rossini, Bellini e Donizetti, e influenciando grandes nomes do futuro, como Mascagni e Puccini. Suas óperas emocionaram milhões de pessoas em milhares de récitas em todas as principais casas de ópera do mundo, e seu legado é incontável.

Sobre Daniella Carvalho

Ela que já se apresentou em palcos na Itália, Áustria, Estados Unidos e Brasil, é natural de Rio de Janeiro, e concluiu mestrado e bacharelado em canto na Manhattan School of Music. Tem sido aclamada pela sua "voz de vinho escuro e expressivo" bem como por "uma presença de palco inesquecível". Recentemente se apresentou como Suzel, em L'Amico Fritz, com a Miami Lyric Opera; como Mimi (La Bohème) e Tosca, com a Orquestra Sinfônica de Sergipe no Brasil, como Liu em Turandot, com o Coro Lirico de Nova Jersey. Apresentou-se em um concerto na biblioteca do Lincoln Center em Nova York, como solista na Misa Azteca de Gonzalez, no Carnegie Hall, e com a Sinfônica Brasileira cantou a Sinfonia Mata Atlântica, de Ricardo Tacuchian, entre muitas outras.


Fonte: Ascom Secult

Classificação: 0.00 (0 votos) - Classifique esta notícia -


Outros Artigos
25/05/2019 18:30:00 - 'MORO AGIU PARA IMPEDIR MINHA CANDIDATURA', DIZ LULA À MAIOR REVISTA ALEMÃ
25/05/2019 18:30:00 - Confira as atrações da abertura do “São João de Estância (SE)”
25/05/2019 17:30:00 - Governo de Sergipe esclarece juros de empréstimo de R$ 80 milhões
25/05/2019 17:20:00 - Ídolo da torcida do Flamengo promove tarde de autógrafos em Aracaju
25/05/2019 17:20:00 - Questão de tempo
25/05/2019 17:10:00 - Dentista explica de onde vem o mau hálito
25/05/2019 17:10:00 - Policiamento será reforçado para os festejos juninos
25/05/2019 17:10:00 - Navio da Marinha está em Aracaju aberto para visitação neste final de semana
25/05/2019 17:00:00 - Viagem do Japão de alto risco de Trump
25/05/2019 16:50:00 - Homens Armados Invadem Residência E Matam Casal A Tiros No Município De Laranjeiras



Marcar este artigo como favorito neste site

                   

 
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

ENQUETE

Os prédios públicos da prefeitura de Estância devem ser reformados e utilizados pela gestão?
Não 0%
Nenhuma das Alternativas 0%
Sim 100 % 100%
Qual a sua opinião sobre a Casa da Cultura de Estância. A prefeitura deve restaurá-la e colocá-la para funcionar?
Sim 92 % 92%
Não 0%
Nenhuma das Alternativas 7 % 7%

USUÁRIOS ONLINE

17 visitantes online (15 na seção: Notícias)

Usuários: 0
Visitantes: 17

mais...