ASSALTANTES MORREM APÓS TROCA DE TIROS COM A POLÍCIA

Data 20/02/2018 13:30:00 | Tóopico: Municípios

Os homens praticavam assaltos em vários municípios sergipanos a exemplo de Umbaúba, Estância, Boquim e Tobias Barreto

Dois indivíduos morreram após uma troca de tiros com policiais civis do município de Umbaúba. Eles já haviam assaltado e feito um mototaxista de refém, tentaram outro assalto em um povoado de Umbaúba que foi frustrado, depois fizeram uma família refém e por fim os policiais encontraram os dois e eles não quiseram se entregar, preferiram iniciar uma troca de tiros, da qual saíram inicialmente feridos e depois morreram, já no hospital do município.

Os indivíduos foram identificados como Romenildo Santana Venâncio Júnior, 20 anos, e Edilto Siqueira Santos, 19 anos. Para Romenildo já havia um mandado de prisão preventiva por prática de roubo no segundo semestre de 2017. Ele também cumpria pena no regime aberto, após uma tentativa de homicídio em 2016.

Enquanto Edilto possuía indiciamento por tráfico de drogas, no primeiro semestre do ano passado. Ele se encontrava em liberdade provisória referente a um assalto à mão armada em Arauá. Foi apreendida com eles uma arma de fogo calibre 38, com 6 munições, todas elas deflagradas contra a equipe da polícia civil na madrugada.

Mais detalhes


Na tarde de segunda-feira, a polícia recebeu informações de que um indivíduo estaria praticando assaltos em Umbaúba, próximo à divisa com Santa Luzia do Itanhi. Chegando lá, foi constatado que o assalto foi frustrado após uma ação da vítima, de maneira que o assaltante não levou a moto que queria como também deixou outra motocicleta no local, que estaria sendo utilizada por ele e um comparsa para realizar os crimes.

“Eles fugiram por uma região de matagal e a informação era de que um deles estava armado com um revólver, só não sabíamos o calibre. Foi nos passado também que eram dois jovens magros, usando bermudas. Checamos a procedência da motocicleta em um sistema e vimos que era roubada e, consequentemente, estava sendo utilizada nos assaltos. Na sequência descobrimos que essa moto eles tinham roubado de um mototaxista de Umbaúba que foi feito refém, colocado em um carro e abandonado perto do Abaís, em Estância”, explicou o delegado de Umbaúba, Paulo Cristiano.

As diligências continuaram e os policiais receberam a informação de que a dupla teria sido vista em Santa Luzia e lá invadiram uma casa, fazendo toda uma família refém. “Chegando ao local, os indivíduos perceberam nossa presença e efetuaram alguns disparos em nossa direção, nós efetuamos também assim que eles deixaram a casa e saíram correndo para o mato, um deles já tinha sido atingido. Continuamos as buscas e por volta de meia noite localizamos os dois em uma plantação de laranja, lá houve uma intensa troca de tiros e no momento final de tentativa de fuga deles, já em uma estrada paralela à roça, eles não conseguiram correr e caíram. Nós prestamos socorro, levamos até o hospital de Umbaúba, mas eles não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito na madrugada”, disse o delegado Paulo Cristiano.


Fonte SSP



Este artigo veio de Tribuna Cultural
http://www.atribunacultural.com.br

O endereço desta história é:
http://www.atribunacultural.com.br/modules/xnews/article.php?storyid=15975