Número de insetos aumenta no verão

Data 01/03/2018 15:30:00 | Tóopico: Saúde

Os insetos podem ser divididos entre vetores – que transmitem doenças – e venenosos.

O verão é a estação preferida dos insetos. Mosquitos, pernilongos e baratas aproveitam essa época do ano para se alimentar e aparecem por toda parte. Eles incomodam, provocam coceiras e podem ser venenosos. Abelhas, vespas e formigas injetam veneno quando picam e podem provocar alergias gravíssimas. Dependendo do caso podem até matar.

O Bem Estar desta quarta-feira (28) falou de tratamentos preventivos, vacinas e soros com o alergista Fabio Castro e o biólogo do Instituto Butantan Roberto Moraes.

Os insetos podem ser divididos entre vetores – que transmitem doenças – e venenosos. No Brasil, os vetores mais importantes de doenças são Aedes aegypt, Anopheles, Mosquito Palha e os Barbeiros. Já o Culex, o famoso pernilongo, é um dos que não se tem histórico de transmissão de doença no Sul e Sudeste. Já em alguns locais do Norte e Nordeste ele é transmissor de um verme que causa a elefantíase.

Moscas e baratas são vetores mecânicos de doenças. Eles passam por ambientes contaminados e depois levam a doença para dentro da nossa casa, comidas, panelas, por onde passarem.

Abelha, vespa e formiga são insetos que injetam veneno e podem provocar alergias gravíssimas. Dependendo do caso pode até matar. Entre as reações estão as urticárias, inchaço dos lábios, pálpebras, tontura, edema de glote e choque anafilático.


Por G1, São Paulo



Este artigo veio de Tribuna Cultural
http://www.atribunacultural.com.br

O endereço desta história é:
http://www.atribunacultural.com.br/modules/xnews/article.php?storyid=16064