Esporte

GASPERINI PÕE ATALANTA EM OUTRO PATAMAR COM ELENCOS BONS, BARATOS E EFICIENTES

Clube de Bérgamo passou por "revolução" desde a chega do treinador, que foca na observação e análise de seus atletas

Publicada em 30/10/21 às 09:44h - 53 visualizações

por SBT Sports


Compartilhe
Compartilhar a notícia GASPERINI PÕE ATALANTA EM OUTRO PATAMAR COM ELENCOS BONS, BARATOS E EFICIENTES  Compartilhar a notícia GASPERINI PÕE ATALANTA EM OUTRO PATAMAR COM ELENCOS BONS, BARATOS E EFICIENTES  Compartilhar a notícia GASPERINI PÕE ATALANTA EM OUTRO PATAMAR COM ELENCOS BONS, BARATOS E EFICIENTES

Link da Notícia:

GASPERINI PÕE ATALANTA EM OUTRO PATAMAR COM ELENCOS BONS, BARATOS E EFICIENTES
 (Foto: Luca Bruno / AP)
Com elencos bons, baratos e eficientes, a Atalanta alcançou outro patamar no futebol europeu. O responsável por implementar essas características no time foi o técnico Gian Piero Gasperini, que provocou uma revolução na equipe de Bérgamo desde sua chegada, na temporada 2016/17.

O processo de montagem dos elencos de Gasperini foca na observação e análise de atletas, mais conhecido como Scouting. Foi assim que a Atalanta passou a fazer enorme sucesso na Europa e, principalmente, na Itália, já que começou a desbancar alguns gigantes nacionais.

Antes da chegada de Gasperini, a Atalanta já havia passado por uma revolução. Em 2010, o clube foi comprado pelo magnata Antonio Percassi, fundador da holding Odissea Srl, que inclui marcas como KIKO Milano, Madina, Zara, Bullfrog e Womo.

No primeiro ano de sua gestão, a Atalanta garantiu o acesso à primeira divisão do Italiano, com o título da Série B, e desde então não caiu mais. A contratação de Gasperine era o que faltava para o time ir além de sua manutenção na elite nacional.

Na temporada 2016/17, a Atalanta encerrou o Italiano na quarta colocação, garantindo uma vaga na Liga Europa. No ano seguinte, o time terminou em terceiro, na frente de Milan, Inter de Milão, Roma e Lazio, conseguindo uma classificação inédita para a Liga dos Campeões 2019/20.

Em sua primeira participação no torneio, a Atalanta chegou às quartas de final. O time perdeu por 2 a 1 para o Paris Saint-Germain. Naquela ocasião a equipe foi a campo com: Sportiello; Tolói, Caldara, Gosens; Papu Gómez, Freuler, De Roon, Djimsiti, Hateboer, Pasalic e Zapata.

O bom desempenho foi mantido nas temporadas seguintes. Apesar de não ter conquistado o título nacional, a equipe deteve o melhor ataque da competição nas últimas três temporadas, além de não ter saído mais da zona de classificação da Liga dos Campeões.

Na edição 2020/21 da competição europeia, o time de Bérgamo caiu nas oitavas após derrota nos jogos de ida e volta para o Real Madrid. Naquela ocasião, o time foi a campo com: Sportiello, Tolói, Romero, Djimsiti, Marhle, De Roon, Pessina, Malinovskyi, Pasalic, Gosens e Muriel.

Nesta terça-feira (2), o time comandado por Gian Piero Gasperini terá um confronto decisivo pela liderança do Grupo F diante do Manchester United. O duelo terá transmissão do SBT, a partir das 16h45. 



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (79) 9.8156-8504

Visitas: 2164235
Usuários Online: 100
Copyright (c) 2022 - Atribuna Cultural - Fundado em 30/03/2001