Mundo

VENEZUELA TEM QUASE MIL NOVOS CASOS DE COVID-19 EM UM DIA

Com a tendência de alta de contágio por coronavírus, o governo já fala em "segunda onda" no país

Publicada em 20/03/21 às 10:18h - 333 visualizações

por EFE


Compartilhe
Compartilhar a notícia VENEZUELA TEM QUASE MIL NOVOS CASOS DE COVID-19 EM UM DIA  Compartilhar a notícia VENEZUELA TEM QUASE MIL NOVOS CASOS DE COVID-19 EM UM DIA  Compartilhar a notícia VENEZUELA TEM QUASE MIL NOVOS CASOS DE COVID-19 EM UM DIA

Link da Notícia:

VENEZUELA TEM QUASE MIL NOVOS CASOS DE COVID-19 EM UM DIA
 (Foto: Reprodução)
A Venezuela notificou nesta sexta-feira (19) 937 novos casos de coronavírus, em meio a uma tendência de crescimento do contágio, uma circunstância que foi rotulada pelo governo como uma "segunda onda", como confirmou a vice-presidente executiva do país vizinho, Delcy Rodríguez.

"Uma segunda onda começou na Venezuela, muito mais virulenta. A Venezuela já saiu do platô, teve uma virada", declarou a política no habitual balanço oficial sobre o comportamento da pandemia.

Em seu discurso, que foi transmitido pela emissora pública de televisão "VTV", Rodríguez disse que do número total de novas infecções, 931 ocorreram através da transmissão comunitária, principalmente em Caracas e Miranda, que esta semana lideraram as estatísticas nacionais.

No caso da capital, todas as suas regiões acrescentaram casos nas últimas 24 horas. Por isso, a vice-presidente executiva pediu para os residentes tomarem medidas extremas de proteção e respeitarem o cerco sanitário que o governo decretou para a área, que envolve restrições comerciais e de mobilidade. "Há uma situação em Caracas. Festas em setores populares vêm sendo denunciadas, e isso não deveria acontecer", criticou

Rodríguez detalhou que nesta sexta-feira houve oito mortes causadas pela Covid-19, três de pessoas que viviam em Caracas e duas do estado vizinho de Miranda, enquanto Lara, Aragua e Monagas tiveram um óbito cada.
"É uma tendência crescente, mas esta tendência pode ser controlada, pode ser detida com responsabilidade coletiva", opinou a vice-presidente, que relatou ainda seis infecções de pessoas provenientes do exterior, incluindo um venezuelano que voltou do Brasil.

Com esses números, a Venezuela atingiu um total de 149.145 contágios e 1.475 mortes desde o começo da pandemia, um dos menores balanços oficiais do mundo - e que é contestado pela oposição ao presidente Nicolás Maduro.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (79) 9.8156-8504

Visitas: 2159952
Usuários Online: 83
Copyright (c) 2022 - Atribuna Cultural - Fundado em 30/03/2001